Porque visitar a Região de Palermo?

Palermo é o maior bairro de Buenos Aires, sendo uma ótima escolha para quem quer aproveitar a cidade e conhecer diversos restaurantes, aproveitar os parques e simplesmente caminhar tranquilamente. Por lá, as regiões mais badaladas são: Palermo Soho, conhecido por ser uma região boêmia e artística e Palermo Hollywood, conhecido por ter uma grande número de produtoras de audiovisual. Listarei abaixo os principais pontos turísticos da região e a minha opinião sobre eles.

  • Jardim Japonês

O local foi construído em 1967, e se tornou um espaço super agradável para realizar um passeio e relaxar, administrado pela Fundação Cultural Argentino-Japonês. Por não receber subsídios dos governos do Japão, da Argentina e da cidade de Buenos Aires, o valor cobrado pelo ingresso e por outros eventos que ocorrem por lá, autofinanciam a manutenção do espaço.

O jardim possui uma enorme quantidade de plantas, árvores, flores, lagos cheios de carpas e pontes construídas com o estilo arquitetônico japonês. É uma ótima programação para repor as energias, e se houver tempo, aproveitar o restaurante e a biblioteca do local.

Endereço: Avenida Figueroa Alcorta e Avenida Casares (metrô Estação Scalabrini Ortiz).

Valor: 95,00 pesos argentinos.

Horário de Funcionamento: Diariamente das 10:00 às 18:00 horas.

>> Se você quiser maiores informações sobre o Jardim Japonês, clique aqui.

  • Jardim Botânico

Foi inaugurado em 1898, pelo arquiteto e paisagista Carlos Thayso, o jardim botânico possui quase 70.000 m² e está localizado em frente ao Jardim Zoológico e a Praça Itália. O objetivo principal do projeto era criar um espaço onde pudessem ser estudadas as mais de 5.000 espécies de plantas e árvores, como também proporcionar um ambiente de lazer para os moradores da cidade.

Atualmente, o local atrai muitos moradores locais como também turistas que desejam curtir a natureza e realizar um passeio agradável e relaxante em um dos principais bairros da cidade. O espaço possui um grande número de esculturas, uma estufa e está dividido em diferentes setores, como o jardim romano, o jardim oriental e o jardim francês. Em 1996, o Jardim Botânico se tornou um Patrimônio Histórico Nacional.

Endereço: Av. Santa Fe, 3951 (metrô Plaza Italia).

Valor: Gratuito.

Horário de Funcionamento: Inverno: De segunda a sexta, de 08:00 às 18:00 horas. Sábados e domingos 09:30 às 18:00 horas. Feriados: 11:00 às 18:00 horas.Verão: De segunda a sexta de 08:00 às 19:00 horas. Sábados, domingos e feriados: 09:30 às 19:00 horas.

  • Museu de Arte Latinoamericano

Mais conhecido como Malba, o museu foi inaugurado em 2001 pelo empresário Eduardo Costantini com o objetivo de difundir a arte da América Latina, a partir do século XX. O museu é super moderno e por lá, acontecem várias exposições de artistas renomados internacionalmente. Para quem gosta de arte, vale a pena a visita!

Endereço: Avenida Figueroa Alcorta 3415.

Valor: 136,00 pesos argentinos.

Horário de Funcionamento: de quinta a segunda feira e feriados, de 12 às 20 horas. Quarta feira, de 12 às 21 horas. Fechado às terças feiras.

>> Se você quiser maiores informações sobre o Malba, clique aqui.

>> Se você quiser maiores informações sobre Buenos Aires, clique aqui.

POSTS Relacionados

© Copyright 2017, All Rights Reserved to Juntando as Malas.